Obesidade pode ser causa de infertilidade na mulher

Segundo dados do Ministério da Saúde, o excesso de peso atinge 30% das mulheres em idade fértil no Brasil. Isso tem sido associado a infertilidade e a irregularidade menstrual.
O excesso de gordura corporal na mulher pode alterar os níveis de insulina liberados pelo pâncreas, o que leva a um aumento na produção de estrógeno pelos ovários, dificultando a liberação dos óvulos e limitando as chances da mulher engravidar
Entre as consequências da obesidade têm-se: atraso para gravidez espontânea, aumento das taxas de abortamentos espontâneos, baixa resposta aos tratamentos para #infertilidade, além da maior predisposição a complicações obstétricas.
Cerca de 6% dos casos de infertilidade primária em mulheres podem estar associados ao excesso de peso. Destas, mais de 70% podem vir a engravidar espontaneamente se houver redução do peso corporal com a prática de exercícios físicos e dietas.
Além da obesidade, os fatores mais comuns que podem gerar infertilidade na mulher são distúrbios da ovulação, ovários policísticos, endometriose, muco cervical que impede a passagem de espermatozoides e infecção no colo do útero.
Caso esteja acima do peso e com dificuldade para #engravidar marque uma consulta com o seu ginecologista!

FALE CONOSCO

Entraremos em contato o mais breve possível.

Enviando

©2018 Desenvolvido por Agente 2741

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?