Mitos e verdades sobre a gravidez

MITOS E VERDADES SOBRE A GRAVIDEZ

Todo mundo tem uma receita ou conselho para dar a uma gestante. E aí, o que é mito e o que é verdade? Palpiteiros sempre vão existir. Nunca deixe de esclarecer suas dúvidas com seu médico.

Chupar limão ajuda a combater as náuseas das gestantes?
VERDADE
Durante a gravidez, a mulher tem o que é chamado de perversão alimentar. Pode ser que ela passe a não suportar mais alimentos que adorava antes de engravidar. Tudo isso por causa das alterações hormonais e a maior sensibilidade das papilas gustativas e olfativas.
A saliva da grávida pede alimentos mais cítricos e temperos mais fortes, por isso, o limão é bem visto e ajuda a combater a sensação de náusea.

É comum, as gengivas sangrarem durante a gravidez?
VERDADE
Isso acontece, principalmente, por causa do aumento da progesterona, durante a gestação. As gengivas da gestante podem ficar um pouco mais inchadas e sensíveis, o que pode ocasionar o sangramento durante a escovação. Se tiver qualquer dúvida quanto a esse fenômeno, deve conversar com seu dentista e seu obstetra.

Gestantes não devem ingerir alimentos com pimenta?
MITO
Algumas pessoas dizem que, por ser muito forte, a pimenta pode ser abortiva ou causar algum tipo de malformação do bebê. Embora isso não seja verdadeiro, sabemos que a ingestão de pimenta pode dificultar significativamente a digestão, então, é bom maneirar o consumo.

Grávidas não devem comer ovos?
MITO
Não há nada que comprove que o ovo cause algum mal à gestante ou ao bebê. É bom somente se certificar de que o alimento é fresco e de boa procedência, para evitar diarreia ou infecção intestinal.

Comer chocolate antes da ultrassonografia ajuda a ver o sexo do bebê durante o exame?
MITO
Não há evidências de que seja mais fácil ver ou não o sexo do bebê durante o exame ultrassonográfico se a gestante comer chocolate especificamente. Porém, se a grávida comer, principalmente algum alimento doce, momentos antes de realizar o exame, o bebê terá uma maior movimentação dentro do útero, e isso fornecerá sua visualização e a identificação do sexo. Isso acontece porque, ao ingerir alimentos doces, a gestante transfere glicose para o feto e, consequentemente, mais energia, por isso, este acaba se movimentando mais.

Beber cerveja preta ou comer canjica aumenta a produção de leite?
MITO
Não existem evidências científicas que comprovem que o consumo de determinado alimento ou bebida aumente a produção de leite. O consumo de cerveja e de qualquer outra bebida alcoólica pode, na verdade, prejudicar a amamentação. Bebês de mães que bebem álcool em excesso mamam cerca de 20% menos, porque acabam ficando mais dorminhocos, ou seja, sedados.

Ter implante de silicone atrapalha a amamentação?
MITO
Atualmente, as técnicas utilizadas para a colocação de próteses de silicone preservam a ligação da aréola e do mamilo com os seios lactíferos, responsáveis por conduzir o leite, o que não prejudica a produção de leite.

Bucha vegetal prepara o bico do peito para amamentação?
MITO
A utilização de bucha vegetal, toalha e outros materiais ásperos podem acabar machucando os mamilos e a aréola. São áreas muito delicadas. Outro ponto a considerar é que a utilização desses materiais pode prejudicar a lubrificação natural da mama.
Caso você opte por utilizar a bucha, tudo bem, mas tenha muito cuidado para fazer de forma bem delicada. Os seios já são naturalmente preparados para amamentar.

FALE CONOSCO

Entraremos em contato o mais breve possível.

Enviando

©2019 Desenvolvido por Agente 2741

× Olá, posso ajudar ?

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?