Dispositivo Intra Uterino Mirena

Você já teve vontade de colocar um, mas tem receio? Acompanhe aqui algumas das principais dúvidas que as mulheres têm e que o fabricante do dispositivo trata de esclarecer com a ajuda de especialistas na saúde ginecológica e estudos para que sua escolha seja respaldada e segura.

Inserção
É necessário realizar exames para inserir o DIU?
Segundo a OMS antes da inserção do DIU, o médico necessita apenas afastar a possibilidade de gravidez (tanto pelo histórico, presença de menstruação ou exames) e, realizar um exame físico ginecológico. Ainda assim em alguns casos o seu médico pode aproveitar e solicitar o Papanicolau e uma ultrassonografia da pelve.
É possível ficar infértil caso haja uma perfuração do útero na inserção?
Não! A perfuração uterina é uma ocorrência rara, ocorre 1,4 perfuração a cada 1.000 inserções e geralmente ocorre durante o procedimento de inserção. Fatores que aumentam a chance de uma perfuração são: inserção 6 meses pós-parto e amamentação, mas ainda assim permanece sendo uma ocorrência rara.
Nenhuma perfuração ocasionou sequelas, lesões de outros órgãos ou doenças. Após diagnosticada uma perfuração, o DIU deve ser retirado (técnica a depender de cada caso) e o útero se cicatriza sem causar consequências para uma futura gravidez.
Qual é o momento ideal para inserir o DIU?
O melhor momento para a inserção deve ser avaliado individualmente pelo seu médico, e somente deve ser realizada quando após se excluir a possibilidade de gravidez com segurança.

FALE CONOSCO

Entraremos em contato o mais breve possível.

Enviando

©2019 Desenvolvido por Agente 2741

× Olá, posso ajudar ?

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?